O Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar esta semana a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) nº 5.826, apresentada pela Federação Nacional dos Frentistas (Fenepospetro), que questiona o contrato de trabalho intermitente. O julgamento, porém, foi suspenso por pedido de vista da ministra Rosa Weber, quando o placar estava em dois votos a favor, e um contrário, à modalidade de contratação criada pela reforma trabalhista de 2017, durante o governo Temer.

Os ministros Kassio Marques e Alexandre de Moraes votaram pela constitucionalidade do trabalho intermitente, enquanto o ministro Edson Fachin votou contra.

O trabalho intermitente é um contrato em que a prestação de serviço não é contínua, alternando períodos de trabalho e de inatividade, podendo ser determinado por hora, dias ou meses, sem jornada ou remuneração fixas. Um tipo de contrato que precariza a relação de emprego, servindo, inclusive, de desculpa para o pagamento de salários inferiores ao salário mínimo.

Convencimento – “Não há prazo para o julgamento ser retomado, mas vamos aproveitar esse intervalo para fazer chegar aos demais ministros nossos argumentos. Como guardião da Constituição, o STF tem o dever de salvaguardar o valor social do trabalho e a dignidade do salário, para a satisfação das necessidades vitais básicas dos trabalhadores e de suas famílias. Esperamos que, na retomada do julgamento, o Tribunal reconheça que o direito ao trabalho supõe direito ao salário mínimo mensal, sem o qual o trabalho intermitente não pode ser considerado constitucional”, comentou o presidente da Fenepospetro, Eusébio Pinto Neto.

Para o dirigente sindical, o argumento de que o trabalho intermitente estimularia a criação de novos empregos se revela completamente descolado da realidade, considerando os alarmantes índices de desemprego.

 

 

Fonte: FENEPOSPETRO

Compartilhe Este Post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Compartilhe Este Post

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Últimos Posts

Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo, de Óleo, Lava Rápido e Loja de Conveniência de Niterói e Região

Sede Niterói

Endereço: Avenida Ernani do Amaral Peixoto , Nº 458, Sala 1002 – Centro – Niterói | RJ

Contatos: (21) 2719-9906 | (21) 96426-3572

Sub-Sede Petropólis

Endereço: Rua Teresa, Nº 608, Sala 161 – Alto da Serra – Petrópolis | RJ

Contatos: (24) 2231-4899 | (24) 99911-2307

Outros Links

Sede Niterói

Endereço: Avenida Ernani do Amaral Peixoto , Nº 458, Sala 1002 – Centro – Niterói | RJ

Contatos: (21) 2719-9906 | (21) 96426-3572

Sub-Sede Petropólis

Endereço: Rua Teresa, Nº 608, Sala 161 – Alto da Serra – Petrópolis | RJ

Contatos: (24) 2231-4899 | (24) 99911-2307