São Gonçalo passa para a fase amarela 2 nos índices que medem a contaminação pelo coronavírus – médio risco – na semana epidemiológica 52, que corresponde a semana de 26 de dezembro a 2 de janeiro. No período, foram registrados dois pontos pela variação dos pacientes internados e outros oito no percentual dos casos notificados. Os outros três índices não pontuaram: variação de óbitos por covid-19, ocupação de leitos UTI adulto e ocupação de leitos de enfermaria.

Embora a vacinação evite a forma mais agressiva da doença, ela não evita a contaminação. Por isso, é necessário que todos moradores continuem respeitando as medidas sanitárias de prevenção, como uso de máscaras, isolamento social e higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel.

Na semana 52/2021, os indicadores apontaram 5% de ocupação de leitos de UTI adulto, não contabilizando. Na semana anterior, eram 4% (0 ponto). A ocupação de leitos de enfermaria ficou em 0% (0 ponto). Na semana anterior foi de 4% (0 ponto). A variação de óbitos pelo coronavírus ficou com 0 (0 ponto), assim como na semana anterior. A variação de pacientes internados ficou em 0,73 (2 pontos). Na semana anterior foi de 0,92 (2 pontos). E, por último, a porcentagem dos casos da covid-19 notificados ficou em 246% (8 pontos), contra -43% (0 pontos) na semana anterior.

Para ter a fase de risco determinada são avaliados cinco indicadores, que são: capacidade de leitos de UTI, capacidade de leitos de enfermaria, variação de óbitos por covid-19, variação de novos casos e variação de pacientes internados. Dependendo dos números do sistema municipal de saúde, o município vai contando pontos. Com o total, a cidade é colocada em uma fase. São cinco no total, sendo o amarelo 1 (fase 1) – o de risco mais baixo (variação de 0 a 9 pontos) e o vermelho escuro (fase 5) com maior risco de contaminação (com pontuação maior que 40).

É importante ressaltar que as avaliações de confirmação de óbitos sofrem alterações, diariamente, e podem ser referentes a datas retroativas devido ao processo de investigação da Vigilância Epidemiológica com base em resultados dos testes realizados pelos pacientes.

Fonte: O Fluminense

Compartilhe Este Post

Facebook
Twitter
WhatsApp

Compartilhe Este Post

Facebook
Twitter
WhatsApp

Últimos Posts

Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo, de Óleo, Lava Rápido e Loja de Conveniência de Niterói e Região

Endereço: Avenida Ernani do Amaral Peixoto , Nº 458, Sala 1002 – Centro – Niterói | RJ

Contatos: (21) 2719-9906 | (21) 96426-3572

Endereço: Rua Teresa, Nº 608, Sala 161 – Alto da Serra – Petrópolis | RJ

Contatos: (24) 2231-4899 | (24) 99911-2307

Endereço: Avenida Ernani do Amaral Peixoto , Nº 458, Sala 1002 – Centro – Niterói | RJ

Contatos: (21) 2719-9906 | (21) 96426-3572

Endereço: Rua Teresa, Nº 608, Sala 161 – Alto da Serra – Petrópolis | RJ

Contatos: (24) 2231-4899 | (24) 99911-2307